quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

INICIO

Vira 5 Acaba 10

Cinco caras completamente obcecados por música, com as idéias fervilhando em suas cabeças e prontos para tomar de assalto os clubes da cidade, botando todo mundo pra dançar sem preocupação com rótulos e oferecendo diversão garantida. Essa é a idéia por trás do coletivo “Vira 5 Acaba 10”. Não existe muito segredo na história toda: É a necessidade de mostrar, sem cabecismo, que dá pra fugir do lugar comum e ainda fazer todo mundo surtar na pista, no bar, ou seja lá onde for.

A coisa funciona mais ou menos assim: Cada um dos 5 integrantes do coletivo dispara meia-hora de seu repertório e quando essa meia-hora termina outro integrante assume as pick-ups. Assim vai até todos mandarem aquilo que existe de mais bacana no rock, eletrônica, hip-hop, passando pelos vários sub-gêneros desses e outros estilos. Mas porque meia-hora? Porque nós percebemos que com apenas meia-hora, cada um toca só aquilo que realmente interessa, sem descanso pra ninguém na pista. Os sets ficam imperdíveis e, o que é melhor, mantém uma unidade, sem transformar a coisa numa salada sem pé nem cabeça. Foi a formula que nós encontramos para manter a festa sempre “lá em cima” e ao mesmo tempo fazer com que tudo faça sentido.

Mas afinal, quem são os cinco caras do Vira 5 Acaba 10?

DJ Mandio: Seu irmão mais velho, que tinha uma “Equipe de Som” nos anos 80,o levou para um “baile”. O garoto ouviu aquele som alto e bom saindo de caixas enormes e não teve dúvidas: com 8 anos já sabia exatamente o que fazia a sua cabeça. De lá pra cá já tocou em tudo quanto é lugar, de boteco à festa para 3 mil pessoas.



DJ Josué: Numa festa entre amigos, em meados de 2002, arriscou pilotar o mixer e os CDJ’s pela primeira vez. Botou fogo na festa e saiu ovacionado pelos presentes. Gostou tanto do que viu que nunca mais parou de tocar.





DJ Jeff: Foi o idealizador do coletivo e o principal responsável pelo próprio. Foi ele quem resolveu dar um pé na bunda de todo mundo pra fazer a coisa sair do amadorismo. DJ Jeff costuma fazer sets quentíssimos que agradam em cheio as massas.



DJ Marchetto: O veterano do coletivo em se tratando de tempo de estrada. Toca desde o fim dos anos 80, onde iniciou suas performances em casas importantes do ABC como Amarelo 20 e Purpurina.